Reino Unido encoraja liderança feminina e participação de mulheres timorenses na política

A ministra de Estado britânica com líderes femininas de Timor-Leste/Foto: Diligente

A Ministra de Estado para a Ásia-Pacífico do Reino Unido, Anne-Marie Trevelyan, revelou ainda que a parceria com a ONU Mulheres, além de incentivar o protagonismo feminino, contribui para a adesão de Timor-Leste à ASEAN.

Na sua primeira visita a Timor-Leste, desde a restauração da independência do país em 2002, a ministra de Estado para a Ásia-Pacífico do Reino Unido, Anne-Marie Trevelyan, sublinhou que o Governo britânico apoia iniciativas que promovam uma maior participação feminina em cargos de liderança. No âmbito do fórum “Mulher na Liderança e Diplomacia”, realizado no Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação (MNEC), no sábado passado (30.09),  a autoridade destacou que o trabalho realizado em conjunto com a Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Género e o Empoderamento das Mulheres (ONU Mulheres) tem contribuído nesse sentido.

“É interessante ver o progresso do Estado na questão da igualdade de género, através do programa ‘Mulheres: Paz e Segurança’, que continua a trabalhar para o futuro das cidadãs timorenses”, expressou a ministra. A referida iniciativa, criada pela ONU Mulheres, envolve a realização de diversas atividades para estimular o envolvimento das cidadãs na tomada de decisões, no campo político, profissional e educacional.

Anne-Marie Trevelyan sublinhou ainda que a parceria contribui para a adesão de Timor-Leste à Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) – bloco que visa a cooperação económica entre os seus membros. A promoção da igualdade de género é um dos requisitos a serem considerados para o ingresso na ASEAN.

Uma pesquisa feita pelo Governo (Inquérito à Força de Trabalho), em 2013, constatou que os “níveis de participação de mulheres [no mercado de trabalho] estão muito abaixo dos níveis dos países da ASEAN”. Na altura, enquanto 49% dos homens acima de 15 anos tinham emprego, a percentagem das mulheres que trabalhavam era de apenas 28%. O censo de 2022, por sua vez, revelou que, entre 874 mil pessoas em idade laboral, 441,6 mil são do sexo masculino e 432,4 mil do sexo feminino. Entre os homens, 41% têm emprego, já entre as mulheres, a percentagem é de 29%.

A secretária de Estado para a Igualdade, Elvina de Sousa Carvalho,  espera mais atenção e investimento dos líderes, principalmente do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação (MNEC), de modo a incentivar as mulheres a exercerem cargos de chefia neste órgão. A secretária de Estado avalia “que o país tem muitas cidadãs preparadas para serem embaixadoras e para desempenharem outras funções relevantes”. Deputadas, ministras e outras líderes femininas também marcaram presença no fórum.

No evento, o embaixador do Reino Unido em Timor-Leste, Owen Jenkins, aproveitou para reforçar que a oferta de bolsas de mestrado para estudantes timorenses, através do programa The chevening scholarship scheme (www.chevening.org), está a decorrer. “As candidaturas estão abertas e encorajamos todos a candidatarem-se a cursos de mestrado no Reino Unido”, informou. A bolsa cobre todas as despesas.

Desafios

Atualmente, dos 65 representantes do povo no Parlamento Nacional, apenas 20 são mulheres. Em Timor-Leste, há uma lei parlamentar, de 2004, que obriga os grupos políticos a promover a participação das cidadãs, “especialmente nos órgãos de direcção do partido”.

Este ano, pela primeira vez na história do país, o Parlamento escolheu como presidente da instituição uma mulher, no caso, Maria Fernanda Lay, do CNRT.

Já no IX Governo, entre os 47 nomes à frente de ministérios e secretarias de Estado, apenas sete são de mulheres. Em relação à gestão anterior, a participação feminina em cargos de chefia não mudou: permanece em 15%.

A secretária de Estado para a Igualdade, Elvina Carvalho ainda ressaltou que, entre as autoridades locais, o envolvimento das mulheres também é muito baixo, já que apenas 5% dos chefes de suco e 4% dos chefes de aldeia são do sexo feminino.

Array

Comente ou sugira uma correção

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Open chat
Precisa de ajuda?
Olá 👋
Podemos ajudar?